26/10/12

Saga Derinarde XXVI – Aprendendo a fumar



Nos anos 70 fumar era um charme. Hoje em dia ainda marca presença para muitos jovens, mas naquela época, era somente “o máximo”.
                                    

Não existiam filmes, nos cinemas, que não tivesse uma cena com algum grande artista fumando:
                    
                      Clark Gable                           James Deam 
                   
                              Frank Sinatra                        Marilyn Monroe
                   
                       Humphrey Bogart                          John Wayne

entre muito outros (Está certo que eles são de uma época anterior, mas ainda faziam sucesso no Brasil).
Pois foi quando comecei a fumar.
                                        
Tinha lá meus 13 ou 14 anos, meu Pai, Antônio e meu irmão mais velho, Luiz, fumavam, então para se conseguir cigarros era muito fácil.
E a primeira tragada aqui, mais outra ali, não passou muito tempo e carregar e esconder cigarros se tornou uma rotina.
                           
Como coisa ruim se atrai, logo mais, na escola, éramos em quatro ou cinco á “rachar” o maço de cigarros e fumar atrás do prédio principal. Como já comentei em post passado http://www.derinarde.com.br/2012/06/saga-derinarde-xvi-primeiro-dia-de-aula.html
a escola era grande, então existiam muitas áreas para nos esconder e fumar tranquilamente.
                              
Confesso que isso nos dava um “ar” de superioridade, maturidade e arrojo.
As meninas iam para o esconderijo muitas vezes apenas para ficar próximas dos “caras que fumam”, algumas até experimentavam e outra juntava-se a nós em definitivo.
                               
Algumas vezes usamos cachimbo com o fumo retirado das “bitucas” recolhidas.
         
Muitas história ocorreram nos “esconderijo”, mas este é assunto para outro post.

Hoje não fumo mais há pelo menos uns sete anos embora já tenha parado em outra ocasião quando fiquei cinco anos sem por cigarros na boca e me sinto muito bem.
Para quem quer iniciar nesta bobagem alerto que fique preparado para jogar dinheiro fora, perder o olfato e paladar, ficar com péssimo hálito e perceber pessoas ao seu lado torcendo o nariz para o seu fedor constante.
Quanto á saúde, bem se você é propenso a qualquer tipo de câncer, se prepare, você sofrerá bastante no futuro próximo.
          
             
  




 “Não use drogas, a vida é uma viagem”
Os textos aqui constantes forada dm em parte ou todo coletados na internet.  http://www.google.com/ http://www.wikipedia.com/

0 comentários: